#

terça-feira, 11 de setembro de 2018

Suuuuuuurprise!!!



do verbo agradecer  

- Chegou uma encomenda tua.
- (um/dois minutos de silêncio) Encomenda?! Mas eu não encomendei nada D. Alice!
- Mas chegou uma encomenda da Zara para ti.
- Da Zara? Tem a certeza que é para mim?!
- Diz aqui Bruna Costa e Bruna Costa és tu, não há mais nenhuma!
- Mas é muito estranho...
- Não fizeste anos?
(...)

Fiz e quem tem amigos assim tem tudo. Depois de terem entrado pela casa a dentro de bolo nas mãos a cantar os parabéns à meia-noite - e eu a dormitar no meu rico sofá, qual bela adormecida -, eis que me surpreendem novamente. Tão fófinhos! =))
Muito agradecida (muah, muah, muah) e, ai jasuuuuus que vai ser um trinta e um do caraças com estes meninos nos pezinhos!! :D :D

p.s.: só não os enfio já nos pés porque estão 40 Cº à sombra.


sexta-feira, 7 de setembro de 2018

Relax, it's weekend #39

Cucuuu!!
Pensavam que iam de fim-de-semana sem a sugestão da Gata?! Nada disso, esta demora foi só para criar suspense (ah! ah! ah!).
A sugestão para este fim-de-semana vem em tons de azul e com peças que têm tudo para fazer parte da minha birthday wishlist (se é que m'entendem). Espero que gostem!
Camisola Guess (link) | Jeans Zara (link) | Mochila Guess (link) | Sapatilhas Adidas (link)


Bom fim-de-semana minhas papoilas (e papoilos :D)!


quinta-feira, 6 de setembro de 2018

TRENDS | Be wild



...solta o animal que há em ti!


Team tigresss, alguém por aí? Este post é para vocês, que é como quem diz, para nós.
Não sei qual é o vosso mood, se ainda estão muito viradas para as cestinhas do piquenique, para as mules e para os vestidinhos de linho, mas eu cá já começo a entrar muito na onda da próxima estação.

E o que é que está em altas? Isso mesmo, leopard print is back. Na verdade, é daqueles padrões que nunca desaparece por completo, mas de tempos a tempos lá regressa com mais força. E nesta estação cá está ele em todo o seu esplendor.

Ele é blazers, ele é calças, ele é camisolas, ele é botas, ele é lenços, ele é malas, ele está em todo o lado. Quem não é fã vai ter de levar com ele (o padrão), mesmo que não queira.
Admito que não é fácil de usar e para cair em desgraça não é preciso muito. A regra fundamental é não abusar no padrão e, p-o-r-f-a-v-o-r, evitar looks totais (deixem isso para o José Castelo Branco). O ideal passa por usar apenas uma peça e combinar com outras mais sóbrias. Apostar apenas em acessórios - um simples lenço, uma mala ou uns botins - também é uma boa opção.

Deixo-vos com uma pequeníssima compilação do que podem encontrar por aí (atenção, primeiras na fila para os botins da Zara!!).

quarta-feira, 5 de setembro de 2018

Wishlist dos 31

Os 31 estão a chegar (cooooom'assim 31?!!) e porque já é tradição, não podia faltar aqui no barraco uma birthday wishlist. Depois da enorme lista dos trinta, desta vez contive-me. Mas aviso já que se ninguém der ouvidos aos meus desejos mais consumistas, VAI SER UM TRINTA E UM DO C@#&%$!!! Literalmente.

Sapatilhas Vans SK8 (aqui): já pensei em mudar o nome do blog para "A Gata de Sapatilhas", mas há toda uma identidade para manter. Vocês sabem que ADORO sapatilhas e o avançar da idade também não perdoa, conforto precisa-se. Todos os anos há um modelo de sapatilhas que ressuscita do mundo dos mortos e no ano passado foi a vez do modelo Old Skool da Vans. Quando comprei as minhas Adidas Superstar brilhantes estava indecisa entre umas Vans pretas, mas acabei por optar pelas primeiras, talvez por ver meio mundo com Vans nos pés. Mas estas bordeaux aquecem-me muito o coração e  é uma cor bem gira para o Outono/Inverno!

Sapatilhas Adidas Samba (aqui): simmmm, outras sapatilhas, não comecem já a revirar esses olhos, tá!! Bom, sendo muito semelhantes às Gazelle, sempre gostei deste modelo apesar do ar assim mais masculino. São perfeitas para contrastar nas gangas e nos looks de tons mais escuros.

Botins Zara (aqui): temos tuuuuuuudo para sermos muito, muito felizes este Inverno. Já me imagino num "all black" com estes meninos nos pés.

Mala Guess (aqui): já dizia a minha avozinha que "malas nunca são demais". Não dizia nada, mas não deixa de ser verdade, não é meninas? Por isso é que estava indecisa entre esta e uma backpack também da Guess, mas fiquei-me por este modelo shopper, simples e versátil e com um pom-pom mega fofo.

Livros: como booklover assumida não podiam faltar livros nesta lista. E estes são só uma milésima parte daqueles que pretendo ler. Porque são muitos! "Ao fechar a porta", "Mulheres da noite", "A Namorada", "O Monte dos Vendavais", etc, etc, etc, etc, etc!

Kit pincéis Zoeva (aqui): por trás de uma boa maquilhagem, estão sempre bons pincéis. Ando a namorar estes da Zoeva há três séculos, portantos, podem vir.


Nota de redacção: lista susceptível de actualizações (várias).

terça-feira, 4 de setembro de 2018

Leituras de Agosto

Ao contrário do que seria expectável, acabei por ler bem menos nas férias comparando com o que tem vindo a ser habitual. Ainda assim, consegui despachar dois livros que me suscitaram desde logo imensa curiosidade: "A mulher à janela" e "Pedido de Amizade". Thrillers, pois claro.
Ninguém me perguntou nada, mas deixo-vos com a minha opinião sobre cada um.
De nada! :D

"A mulher à janela" de A. J. Finn


o final compensa um inicio monótono!

Aqui, temos um livro intrigante e misterioso, mas com uma leitura inicial um tudo-nada monótona. Só a partir do capítulo 22 (são 100 no total) é que a história começa a ganhar ritmo, de tal maneira que, depois de andar dias e dias a "moer", a levá-lo para a praia e nem lhe tocar, bastou um dia de nevoeiro e uma noite a vegetar no sofá para terminá-lo.
Peguei neste livro com as expectativas bem lá no alto, tal foi o surubudu aquando o seu lançamento, pelo que já estava a espumar de impaciência quando ao fim de uma dúzia de capítulos a história não desenvolvia. O suspense e o mistério pairam no ar a cada virar de folha, no entanto, já começava a ser um pouquinho maçador. Mas assim que começa a fluir, senhores, só queremos parar de ler quando chegarmos à última página! E o revelar do que está por trás do comportamento da Anna? Bem, que sensação de choque!!

Muito resumidamente, o livro conta a história de Anna Fox que não sai à rua há dez meses, sendo que as janelas são o único contacto que tem com o mundo real. É quando a família Russell, aparentemente perfeita, se muda para a casa em frente que algo acontece e acaba por ser testemunhado por Anna. Anna que não sai de casa há meses, que se encontra num estado depressivo e que toma imensa medicação pelo que a sua credibilidade poderá ser posta em causa.
Será que alguém irá acreditar nela?
Será que ela própria acredita?
Será que realmente viu o que diz que viu?
E o que levou Anna a fechar-se em casa?
Fica também a certeza de que nunca ninguém sabe o que realmente se passa numa família.

Estou quase a fazer anos


(aqui)

Não vá dar-se o caso de se terem esquecido.

sexta-feira, 31 de agosto de 2018

Relax, it's weekend #38

Sexta-feira, final do mês, fim-de-semana à porta, o sol ainda brilha, querem melhor? Ahhhh acertar na chave do Euromilhões, poiiiis, compreendo, quem não queria!!

Aqui fica uma sugestão de look para o fim-de-semana, num mood mais sóbrio mas fresquinho.


Nota de redacção: preciso da mala (eu, a fazer olhinhos de cachorro abandonado).



Vestido Zara (aqui) | Mala Guess (aqui) | Brincos Parfois (aqui) | Sandálias Birkenstock (aqui)


Bom fim-de-semana!