#

segunda-feira, 15 de junho de 2015

Noiva à beira de um ataque de nervos #11


Já só faltam menos de três meses, mais precisamente oitenta e nove dias, e as borboletas vão ganhando vida cá dentro. Sempre fui pessoa de muitas ansiedades e acho que o casamento vai ser o cumulo delas (ok, já está a ser). Não sei, acho que é o meu perfeccionismo que não me deixa sossegar. A mania de ver tudo ao pormenor mais minucioso, o não querer que falhe nada e que esteja tudo perfeito. São as ideias a fervilhar e não saber se vou conseguir concretizá-las, ou por falta de tempo ou por não encontrar os meios que preciso. Mas dentro daquele que será o nosso tema de casamento (não vale a pena perguntarem qual é, porque eu n-ã-o-d-i-g-o, nhanhanhanhaaaa, n-ã-o-d-i-g-o), as ideias estão cá e no que depender de mim tudo farei para pôr mãos à obra.

E o vestido? Passados seis meses sem lhe pôr a vista em cima, lá estava ele, lindo e maravilhoso, à minha espera. E eu, de novo em modo "princesa-sereia", desta vez, já com as sandalocas eleitas para o grande dia nos pezinhos. Tudo perfeito. O vestido é maravilhoso e assenta como uma luva. Quer dizer, precisa de uns pequenos ajustes na zona do peito (ainda estive ali na duvida se optava pelo silicone ou pelo arranjo da costureira, mas a segunda hipótese pareceu-me mais em conta), de resto, tudo impec. Tão impec, tão impec, que se engordo umas gramas que sejam temos logo o caldo entornado, e vestidinho apertadinho que é bom, 'tá queto. Ora, se tiver em conta que este mês ainda não pus os pés no ginásio (e duvido que ponha), que em Maio só consegui ir uma única vez por semana e que tenho comido como uma lontra (como sempre), cheira-me que o pior pode mesmo acontecer. Bem, é rezar para que não fuja à velha regra do "todas as noivas emagrecem" (tenham fé, meninas, tenham fé). Ahhhhhhhhhhh! E se pensam que é só chegar ali e enfiar o vestido cabeça abaixo, desenganem-se, há toda uma ciência que a minha mãe tentou assimilar muito atentamente (já que vai ser ela que me vai ajudar no dia). Ele são trezentos forros que têm de estar muito bem esticadinhos sob pena de se notarem, ele são costuras que têm de estar no sitio certo para não ficar com o vestido torto, e claro, ele é todo o cuidado que se tem de ter para não estragar o penteado. Enfim, noivices.

Para a primeira prova do vestido, a minha maior apoquentação (logo a seguir à dúvida do ainda caber ou não no vestido) era, sem sombra de duvidas, a escolha da headband. Penso que de toda a indumentária, foi o que mais me moeu o miolo. O facto de ter algo idealizado e de não encontrar nada dentro do género, andava a comer-me o cérebro. Queria algo dentro do estilo boho, mas depressa desisti porque tudo o que encontrava era demasiado piroso para o meu gosto (sou pirosa, mas nem tanto, hã?). Depois, vi que o efeito "vestido + sandálias" pedia algo com mais requinte e com um certo brilho. Já tinha reservado algumas para ver, mesmo da Pronovias, no entanto, só uma delas me despertava mais a atenção, pelo que foi logo a primeira que experimentei. A primeira e única, é o chamado "'tá bom, não mexe mais". Ficou um must. É simples, não muito grossa e tem o brilho que o vestido pede. Foi um respirar de alivio e aquela sensação de "ufa, menos uma coisa em que pensar".

E pronto. Vestido, sandalocas, headband, saiote (e toma lá, vai buscar, 85 paus, ca puta de chulice oh menina), para compor o ramalhete só faltam mesmo uns brincos que têm de ser uma coisa extremamente simples. Colar, NEM PENSAR, e pulseira...parece-me perfeitamente dispensável, uma vez que que a headband já é a peça de destaque.
A segunda prova está marcada para inicio de Agosto, e até lá, é rezar para que esta pança e este rabo que carrego todos os santos dias não ganhem vida própria.


P.S.: Não, ainda não entreguei os convites todos, mas já vejo a luz ao fundo do túnel.



Verdade 



Ahhhhhhhhhhh que é um bocadinhito do meu vestido (e respectiva etiqueta).

24-09-2013 15-51-22

37 comentários:

  1. Consigo sentir a tua ansiedade deste lado ahah
    Com quanto tempo de antecedência começaste a planear o teu casamento? :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Logo em Outubro, começámos a tratar do mais urgente: igreja, quinta e fotografo. Estes três itens convém ficarem tratados logo cedo!

      Eliminar
  2. Então foi mais ou menos com um ano de antecedência! Não fazia ideia de que tinha de ser tão cedo...ai ai!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu tratei de tudo em 8 meses...

      Eliminar
    2. O único problema é que na data que escolheres podes já não ter a quinta que querias disponível ou, até mesmo, o padre pode já ter outros casamentos. No caso do fotografo é a mesma coisa. No nosso caso, tínhamos preferência por um, mas já tinha a data preenchida e pronto, lá tivemos de ir procurar outro.

      Eliminar
  3. Vais casar dia 12 de Setembro? Que otima data :))
    é a data de casamento dos meus pais :D (e sim fiz as contas ahahah)

    Estou a adorar acompanhar toda a tua "ansiedade" eheh

    http://odesempregodeunisto.blogs.sapo.pt

    ResponderEliminar
  4. Aí jesuuus, só de pensar naquilo que se têm que pensar (percebeste?!) para organizar o casamento, até se me dá calafrios e eu que também sou pessoa de ansiedades, quando chegar o meu (se Deus quiser ehehehe) vou andar feita barata tonta.
    Possas que peço pelo que vejo é tanta mas tanta coisa. mas depois acho que vale tanto a pena, que acho que devíamos ser como os ciganos e ter festa de casamento por dias e dias ahahahah
    Muita sorte, respira até 10 e aproveita esta etapa que deve ser maravilhosa.

    ResponderEliminar
  5. i love pronovias dresses..we have an amazing showroom in milan

    ResponderEliminar
  6. Eu poupei-me a isso tudo :p eu, noivo e dois padrinhos na conservatória :p (mas percebo, nunca tive o sonho de ser uma "noiva" mas entendo quem tem :)

    ResponderEliminar
  7. Até eu fico nervosa só de pensar! Mas tenta aproveitar o momento. :) Quero ver tudinho depois!!

    http://entreosmeusdias.blogspot.pt
    facebook | instagram

    ResponderEliminar
  8. Ohhh queria saber o tema :) Eu também vou casar e o nosso tema vai ser viagens :) Boa sorte com tudo. Beijinhos!

    ResponderEliminar
  9. Como compriendo a tua anciedade! E perfeitamente normal, mas vais ver vai correr tudo bem! Nao sabia que estavas noiva. parabens!!! :)
    O meu vestido tambem foi da Pronoivas. Os vestidos sao lindos!
    beijinho de Toronto

    claudiapersi.blogspot.ca

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Cláudia! =))
      Os vestidos são mesmo um sonho.

      Um beijinho e boa semana.

      Eliminar
  10. E vais contratar alguém p organização do casório?

    ResponderEliminar
  11. Trata mas é de entregar os convites porque não é nada de bom tom entregar com pouco tempo de antecedência. Não és só tu que tens que pensar na logística do casamento... os convidados também têm a sua logística e há que respeitá-los atempadamente.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caraças há tanta forma de dizer as coisas, parece que vêm todos com 7 pedras na mão. Diria isso assim a alguém pessoalmente?

      Eu por acaso também concordo que se deva avisar com bastante antecedência os convidados (quanto mais cedo melhor) pois é complicado para muitas pessoas serem convidadas "em cima da hora" (seja por terem pouco dinheiro para dar de prenda e quererem mais tempo para o poupar, por quererem poupar para uma roupa especial, por terem férias marcadas ou até porque simplesmente não lhes dá jeito)... usualmente as pessoas entregam com 3 a 4 meses de antecedência.
      Mas isso também depende muito da situação, as pessoas até já podem saber que ela se vai casar e isto de entregar os convites pessoalmente seja só uma formalidade/tradição que querem cumprir.

      Eliminar
    2. Quem é que veio com 7 pedras nas mãos? Falei normalmente, como falaria com qualquer pessoa. Os leitores é que às vezes dão a entoação errada aos comentários e pressupõe logo as 7 pedras...

      Eliminar
    3. Por acaso falou... Se fala assim com as pessoas então se calhar devia "mas é rever os seus modos pois não é de bom tom tratar assim ninguém"

      Eliminar
    4. Realmente tambem acho que o primeiro anonimo tem razao no conteudo mas a forma como o disse foi um bocadinho dura... Eu achava que os convites eram das primeiras coisas a tratar.. por varias razoes: catering (nao ha um prazo para dar resposta? Fartei-me de organizar e ajudar a organizar jantares de curso e era um stress com datas e confirmacoes) e convidados. Obviamente que o dia è especial para os noivos mas tb ha imensa logistica para convidados em relacao a prendas e datas e tudo o mais. Eu fui agora ha pouco tempo a um casamento (obrigada pelas dicas Gata ^^) e a minha prima ja me tinha entregue o convite ha meses (6 meses antes ate) e ainda bem que o fez ja que tivemos de organizar-nos com o trabalho aqui na Noruega e comprar bilhete de aviao... dai ter que concordar que acho estranho q o casamento seja daqui a 3 meses e os convites ainda nao tenham sido entregues :) A nao ser claro que as pessoas ja saibam q estao convidadas e o convite è meramente um "reforco oficial".

      beijinhos!

      Eliminar
    5. Da minha experiência como convidada de casamento (já tenho doutoramento nisto, ah! ah! ah!), os convites entregam-se sempre com 4/3 meses de antecedência. Claro que, para pessoas que estão fora do país, há que ter uma especial atenção.

      Mas dos meus convites que faltam entregar, já estão mais que informados da convocatória para Setembro, é só mesmo formalizar! =)

      Beijinhos *

      Eliminar
    6. Fui a dois casamentos de amigas no ano passado e assim que foi feito o pedido, decidiram logo a data e informaram logo os amigos/família disso mesmo (com quase 1 ano de antecedência). Assim eu já sabia que aqueles fds estavam reservados para essas festas e não marquei nada, apesar de só ter recebido os convites oficiais mais tarde. Essa 1a fase de aviso da data é o "save the date".

      Eliminar
    7. Eu e o meu marido quando decidimos casar, foi tudo feito em 3 meses. Conseguimos planear e formalizar tudo, incluindo entrega de convites tudo num prazo de 3 meses. Correu tudo bem, e não tive nenhuma recusa. E se um casamento dá trabalho...ohh se dá. A única diferença foi que não casei pela igreja. O grande dia aconteceu em finais de Outubro, e estava um lindo dia de sol :)

      Ainda não lhe tinha dito Gata, mas desejo-lhe um grande dia com muita felicidade á mistura.

      Eliminar
  12. Curiosa para ver o teu vestido. :)

    ResponderEliminar
  13. não acho graça nenhuma a essas «bandoletes» gosto muito mais de penteados elaborados QB e um bonito véu

    ResponderEliminar
  14. Conheço quem conseguiu organizar um casamento em 3 meses e foi maravilhoso. Dos melhores que já fui.

    ResponderEliminar
  15. Gata, qualquer dia cruzo-me consigo :) e mais não digo.

    ResponderEliminar
  16. Quero muito ver esse teu vestido, Gata! x

    dreamingwithpeaches.blogspot.pt ♥

    ResponderEliminar
  17. A pronoivas tem vestidos lindos

    ResponderEliminar
  18. Aiiii aiiii (suspiros) nunca mais chega a minha vez ;)

    ResponderEliminar
  19. Gata vai tudo correr bem!!! E vais estar maravilhosa 💜
    Muitas felicidades. Eu casei no ano passado, tem sido um ano perfeito.

    ResponderEliminar
  20. Eu preparei um casamento inteiro em três meses e de barriga "cheia"! Por isso, não sei o que é ter stress para caber no vestido. Felicidades querida!

    ResponderEliminar